Você pode encontrar facilmente o seu gerenciador de arquivos abrindo a seção cPanel Arquivos:

Botões da barra do gerenciador de arquivos

Nesta seção, você pode pesquisar arquivos específicos em diretórios selecionados e também alterar as configurações do seu gerenciador de arquivos, como escolher o diretório raiz a ser aberto por padrão ao abrir o gerenciador de arquivos, mostrar arquivos ocultos (dotfiles) e desativar a verificação de codificação de caracteres diálogos.

  1. Inicio - leva você de volta ao diretório designado para seu plano de hospedagem, que inclui todas as suas outras pastas e arquivos, como public_html. O caminho para ele é /home/seu nome de usuário cPanel.

  2. Um Nível Acima - leva você para a pasta acima daquela em que você está no momento, de acordo com a árvore de diretórios.

  3. Voltar - leva você de volta ao diretório em que estava anteriormente.

  4. Emcaminhar - leva você de volta ao diretório que acabou de sair.

  5. Recarregar - atualiza o diretório em que você está trabalhando (para quando você carregou/alterou arquivos via FTP enquanto o Gerenciador de arquivos estava aberto e você deseja ver as alterações).

  6. Selecionar tudo - selecione todos os arquivos do diretório.

  7. Desmarcar tudo - desmarca todos os arquivos do diretório.

  8. Ver Lixo - desmarca todos os arquivos do diretório.

  9. Esvaziar lixeira - Exclui todos os arquivos da lixeira.

O menu de contexto será ativado assim que um arquivo ou diretório específico for selecionado (e as mesmas funções também podem ser vistas clicando com o botão direito):

1. Arquivo - permite que você crie um arquivo na pasta que está navegando no momento.

2. Pasta - permite criar um novo diretório.

3. Copiar - selecione esta opção para duplicar um arquivo ou pasta no mesmo local, ou em um local diferente. O processo é semelhante às configurações de Mover.

4. Mover - permite que você transfira o arquivo ou pasta selecionada para outro diretório. Para escolher o novo diretório, basta anotar seu caminho e clicar em Mover Arquivo (s):

5. Upload - abre uma janela pop-up que permite selecionar um novo arquivo para subir (até 256 MB).

6. Download - ele simplesmente baixa o arquivo ou arquivo selecionado (até 256 MB).

7. Excluir - apaga permanentemente o arquivo ou pasta selecionada.

8. Restaurar - restaura um arquivo ou pasta da lixeira.

9. Renomear - permite editar o nome de um arquivo ou pasta:

10. Editar - selecione esta opção para editar arquivos de texto.

11. Editor de HTML - abre o arquivo HTML em um editor de HTML visual.

12. Permissões - especifica a autorização com as opções de leitura, gravação ou execução de arquivo e diretório:

As permissões padrão para arquivos são 644 ou:

  • Proprietário - Ler, Escrever

  • Grupo - Ler

  • Mundo - Leia

As permissões padrão para pastas são 755 ou:

  • Proprietário - ler, escrever, executar

  • Grupo - Ler, Executar

  • Mundo - Ler, Executar

13. Exibir - exibe o conteúdo do arquivo em uma nova janela.

14. Extrair - só pode ser visto quando um arquivo compactado é selecionado, permite que você extraia seu arquivo para o local desejado:

15. Compactar - como o próprio nome diz, permite compactar um arquivo ou pasta em um formato arquivado (o arquivo compactado deve ser menor que 256 MB).

Você pode escolher entre três formatos:

É isso aí! Agora você sabe como gerenciar seus arquivos em nosso Gerenciador de Arquivos 😊

NOTAS:

  • Certifique-se de que seus arquivos e pastas sejam colocados dentro da pasta public_html, pois é uma pasta raiz do seu site. Desta forma, todo o conteúdo do seu site será exibido corretamente 😊

  • Como public_html é sua pasta raiz, não a exclua ou qualquer uma de suas pastas pai para garantir o funcionamento estável do site.

  • Excluir seus arquivos é uma ação irreversível, portanto, se você excluiu acidentalmente seus arquivos, pode restaurá-los por meio de backup.

  • Se você deseja mover arquivos de sites de um domínio para outro, consulte este artigo.

  • Ao renomear arquivos, certifique-se de não remover suas extensões de arquivo (por exemplo, file.php para arquivo) - pois isso pode tornar o arquivo indisponível.

  • Ao extrair um arquivo, se a pasta especificada não existir, ela será criada automaticamente.

  • No Gerenciador de arquivos, você pode extrair arquivos com um tamanho inferior a 256 MB, se o seu arquivo for maior, você pode extraí-lo pelo SSH.

  • Além disso, se compactar arquivos por meio do Gerenciador de arquivos não funcionar ou se você quiser compactar arquivos maiores, pode fazer isso facilmente pelo SSH.

  • Como fazer upload de backup com FTP?

Encontrou sua resposta?